Gastronomia

Cultura alimentar de Moçambique

Wednesday, 01/07/2015 | 15:47 Certa vez, li sobre a cultura alimentar de Moçambique e me impressionei com a precariedade em que a população vive!!! Acredito que, com esse texto, além de conhecer mais sobre a cultura desse lugar, irão valorizar mais as coisas que têm, inclusive itens básicos.

Bem-vindo a Moçambique!

Moçambique é uma ex-colônia portuguesa de maioria populacional negra localizada na Costa Oriental da África.

Cerca de 70% dos 20 milhões de habitantes desse lugar vivem na área rural,em condições precárias, e praticam a agricultura de subsistência, sendo assim, está entre os 20 países mais pobres do mundo. Outro dado alarmante é que, em torno de 16% da população são portadores de AIDS.

Em relação ao saneamento básico, esse não existe e pouco se usa sabão. Cerca de 80% dapopulação utiliza a água dos poços que geralmente está contaminada.

Sabe como as panelas são lavadas? Elas são limpas com a areia do chão e depois passadas na água, contaminada!!

A cultura alimentar de Moçambique é de arrasar nossos corações de tristeza

Na capital, há supermercados e até lojas de artigos finos, já nas áreas mais distantes, há feiras livres onde os alimentos são dispostos no chão sem a menor preocupação com a higiene.

Os principais alimentos consumidos pela população são: milho, arroz, mandioca, batata doce, abóbora, amendoim e castanha de cajú. O cardápio também inclui frutas como coco, banana, mamão e abacaxi, mas essas não são muito apreciadas, pois o paladar moçambicano privilegia alimentos salgados.

Leite e carne vermelha são difíceis de encontrar. Essa última é consumida em raras ocasiõese quando servida, os homens comem primeiro, se sobra, é a vez das mulheres e, por último as crianças. Para vocês verem o que é a cultura de um país… aqui, a seqüência é ao contrário, mas temos que respeitar a cultura de cada país!!!

As comunidades que vivem próximo ao mar conseguem obter proteína animal por meio dapesca.Quem tem condições, cria animais como cabra, frango e porco, que são criados soltos, sendo assim devoram parte das hortas, prejudicando o consumo humano.

Eles não têm o hábito de temperar a comida. O feijão é pouco consumido, pois provoca gasese acreditam que isso “faz mal” à saúde. As verduras são fervidas por horas a fio e a águado cozimento é dispensada, sendo assim, consomem o alimento sem praticamente nenhum nutriente.

Eles se alimentam apenas uma vez por dia, ao entardecer. Isso faz com que o aproveitamento escolar seja baixo e que os trabalhadores estejam sempre cansados e indispostos. No momentoda refeição, comem muito, deixando-os sonolentos.

Além disso, as refeições costumam ser compostas por apenas um único alimento, se há arroz e feijão em casa, num dia eles comem arroz e no outro dia eles comem feijão; não há variedade.

Á venda, também não há muita opção. Na safra do tomate, por exemplo, é praticamente só isso que se encontra para comprar. Os alimentos são cozidos em fogueiras no chão. Fogão e geladeira são artigos de luxo.

 

fonte: www.entrelegumeseverduras.com.br

Comentário