Desporto

PARA ÉPOCA FUTEBOLISTA-2015: Ferroviário da Beira apresenta-se com novidades

Monday, 05/01/2015 | 09:31 O FERROVIÁRIO da Beira abre esta tarde as suas “oficinas”, no âmbito da preparação da época futebolística 2015 que se avizinha. Para além das competições internas, Moçambola e Taça de Moçambique, os “locomotivas” da capital provincial de Sofala têm em vista a Taça CAF.

Com início marcado para as 14.30 horas, o acto terá lugar nas instalações do clube e serão apresentados os jogadores, equipa técnica e pessoal de apoio ao plantel.

Para já, segundo Carlos Crespim, vice-presidente para a Área de Futebol, serão apresentados 24 jogadores, dentre eles três reforços prevenientes de equipas da capital do país e cinco oriundos da equipa “B”. A equipa técnica, constituída por Lucas Bararijo (treinador principal) e Vítor Matine (adjunto), mantém-se.

Em contrapartida, deixam o plantel “locomotiva” apenas três jogadores; o médio Carlitos, o guarda-redes José e o malawiano Sankanye.

“Temos uma política diferente de muitos clubes do nosso futebol. Sempre mantemos a equipa base. Não vendemos muitos jogadores e também não contratamos muitos. A ideia é manter a espinha dorsal, o que nos assegura uma boa base”, explica aquele responsável.

De acordo com Carlos Crespim, O Ferroviário irá fazer uma intensa preparação que incluirá muitos jogos de controlo e estágios fora da cidade da Beira e/ou no estrangeiro.

O objectivo, prossegue a fonte, é chegar mais longe na Taça CAF, ou seja, melhorar o desempenho da época passada e lutar pelo título de campeão nacional e revalidar a Taça de Moçambique, prova que o clube de Chiveve ganhou nos últimos dois anos.

NELITO FICA

Crespim falou igualmente do caso Nelito, jogador que se havia vinculado à Liga Desportiva de Maputo, quando estava ainda ligado ao Ferroviário da Beira.

“Definitivamente Nelito fica connosco. É nosso jogador. O que houve foi um mal-entendido, mas amigavelmente resolvemos a questão com a Liga Desportiva. O problema no meio de tudo isto não era somente o dinheiro que Nelito havia recebido da Liga, eram os compromissos assumidos”, avançou.

Foi mais longe revelando o seguinte: “havíamos prorrogado o contrato com Nelito até 2016 em Setembro. Agora estamos em negociações para estendermos para 2017”.

Entretanto, para a CAF os “locomotivas” de Sofala têm inscritos 18 jogadores, incluindo os três reforços, cujos nomes o vice-presidente declinou avançá-los, alegadamente porque os processos ainda não estão completamente concluídos.

Recorde-se que no ano passado o Ferroviário da Beira foi afastado na primeira eliminatória da CAF pelos zambianos de Zesco United, depois de ter superado uns tanzanianos na pré-eliminatória.

LIGA SÓ COMEÇA NO DIA 8

Outro representante moçambicano nas Afrotaças é a Liga Desportiva de Maputo, que entretanto só irá abrir as “oficinas” no dia 8 do mês em curso, segundo o presidente da colectividade, Rafik Sidat.

À semelhança do Ferroviário da Beira, os “muçulmanos” irão fazer a sua preparação dentro e fora do país, sendo África do Sul e Suazilândia os mais prováveis destinos a escalar.

A Liga Desportiva tomará parte na Liga dos Campeões, sendo que no ano passado não foi para além da primeira eliminatória, tendo sido eliminada de forma humilhante pelo Kaizer Chiefs da África do Sul.

Ainda segundo Rafik Sidat, Litos chega no dia 7 a Maputo para retomar o comando técnico da equipa, depois de a ter “fugido” em 2014. O técnico português deverá fazer algumas dispensas no actual plantel “muçulmano”.

fonte: jornalnoticias.co.mz

Comentário