Turismo

Visite as praias mais bizarras do planeta

Monday, 14/05/2018 | 15:43 Era capaz de dar um mergulho em alguns destes locais? Veja a galeria que se segue e descubra.

Visite as praias mais bizarras do planeta

Praias com areia vermelha, zonas costeiras onde aviões passam perigosamente a baixa altitude e ainda formações rochosas que parecem vindas de outro planeta. Estas são algumas das características que poderá encontrar nas praias que temos para si.

- Praias com areias vermelhas, zonas costeiras onde aviões passam perigosamente a baixa altitude e ainda formações rochosas que parecem vindas de outro planeta. Estas são algumas das características que poderá encontrar nas praias que temos para si.Clique nas imagens que se seguem e perceba se era capaz ou não de visitar alguns destes lugares.

Praia de vidro - Perto de Fort Bragg, na Califórnia, no Parque Estatual MacKerricher, podemos encontrar um abundante 'areal' de vidro. Isto aconteceu devido ao facto de, durante vários anos, terem sido despejados na costa enormes quantidades de lixo, que levaram à formação deste 'vidro' marítimo. Hoje em dia é um local muito visitado por todos aqueles que querem ver de perto este estranho areal repleto de cores.

Praia nas Maldivas - É possível encontrar ao longo da zona costeira da República das Maldivas, praias que contém este fenómeno que parece saído de um filme de ficção científica. Isto acontece devido aos fitoplânctons bioluminescentes microscópicos, que emitem luzes quando são agitados pelas ondas.

Praia das Catedrais - Na Galiza é possível encontrar uma verdadeira obra de arte. Chama-se praia das Catedrais e é um monumento natural com uma dimensão sobrenatural. Para conseguir andar por entre estes majestosos arcos só tem que esperar pela maré baixa. A imponência destes monumentos naturais irá deixá-lo boquiaberto.

Praias de areia rosa - É possível encontrar nas Bahamas algumas praias que têm aquilo que parece ser um areal repleto de rosa. Contudo, a areia não é assim tão cor-de-rosa como poderá parecer nas redes sociais. A cor deste areal ganha a sua pigmentação devido aos restos de corais que são cortados e triturados em pedaços pelas ondas.

Praia Maho - A praia de Maho pode ser encontrada em São Martinho, nas Pequenas Antilhas. O mais bizarro sobre este local é o facto de se situar perto do Aeroporto Internacional Princesa Juliana. Isto faz com que os aviões voem a baixa altitude e muito perto do areal, o que a tornou numa área popular entre os turistas.

Praia de Jokulsarlon - Também conhecida como a 'praia de diamantes', este areal localizado na Islândia é muito conhecido pelos fotógrafos devido aos enormes pedaços de gelo que derretem na areia negra. O gelo derretido fica quase semelhante a grandes peças de diamante que contrastam de uma forma única com a areia vulcânica.

Praia de Koekohe - Este praia na Nova Zelândia contém uma das atrações mais bizarras de qualquer areal do mundo. Os 'Moeraki Boulders' são estas esferas gigantes que pode observar na fotografia. Os pedregulhos são formados pela erosão da rocha sedimentar, chamada lamito, que foi endurecendo e ganhando forma com o passar do tempo, devido ao movimento do mar.

Praia de Papakolea - Localizada no Havai, esta praia tem a curiosa particularidade de ter um areal esverdeado. Isto acontece devido ao mineral verde chamado olivina, que é formado através da lava que é expelida pela atividade vulcânica envolvente. Esta lava é depois arrefecida pelo mar e dá origem à olivina.

Calçada dos Gigantes - A Calçada dos Gigantes é uma das maiores atrações da Irlanda do Norte e certamente uma das zonas costeiras mais bizarras e incríveis do mundo. São cerca de 40 mil colunas prismáticas que foram formadas neste local devido a uma disjunção prismática de massa de lava basáltica que resultaram de uma erupção vulcânica que se acredita ter acontecido há cerca de 60 milhões de anos.

Praia de Punaluu - Este é outro areal do Havai que surpreende vários turistas. É nesta praia que pode encontrar um dos areais mais negros do mundo. A areia deste local tem esta cor devido à lava de basalto que explode ao entrar no mar e esfria rapidamente.

Praias vermelhas de Rábida - Na ilha da Rábida, em Galápagos, no Equador, é possível encontrar um dos areais mais vermelhos do mundo. Este local ganhou este tipo de areia devido à oxidação de depósitos de lava ricos em ferro. Contudo, existe também a possibilidade de que a pigmentação do areal aconteça devido aos sedimentos de coral que acabam por ir dar à costa.

Praia das conchas - A região de L’Haridon Bight, na Baía de Shark, na Austrália, tem mais de 100 km de extensão e é aqui que se pode encontrar aquela que é conhecida como a 'Praia das conchas'. Com montes de conchas que podem chegar a ter 10 metros de altura, este fenómeno acontece devido a um animal conhecido como molusco de Hamelin. A alta concentração de sal na água da região faz com que esta espécie escolha este local como o seu porto de abrigo.

Praia de Pfeiffer - Em Big Sur, na Califórnia, poderá encontrar aquela que também é conhecida pela praia das areias roxas. A areia roxa nesta praia, que é apenas encontrada em zonas específicas, é formada quando os depósitos de granada de magnésio das colinas circundantes erodem na direção ao mar.

Praia de Vik - A Islândia é um país repleto de atividade vulcânica, sendo por isso normal que praias de areais negros como esta sejam tão comuns neste país nórdico. Gostaria de visitar uma praia de areia negra ou parece-lhe apenas demasiado bizarro?

Praia de Benagil - A praia de Benagil localiza-se na zona costeira do concelho de Lagoa, em Portugal, e é famosa pelas suas grutas naturais que contêm aquilo que se designa como algares. Um algar é uma cavidade natural que se desenvolve numa estrutura natural vertical, tal como podemos observar na imagem.

Praia de Hyams - Em New South Wales, na Austrália, poderá encontrar uma praia que está no livro de recordes do Guinness. Porquê? Por ser a zona costeira com o areal mais branco do mundo. Quer experienciar 'neve' durante o verão? Então esta praia curiosa é um local que deverá certamente visitar.

Praia de Gulpiyuri - O que torna esta praia das Astúrias tão curiosa é o facto de ser um local de difícil acesso. Só pode ser alcançada a partir da Praia de San Antolín por um percurso pedonal, o que fez com que este local se mantivesse muito bem conservado, sendo para muitos um 'oásis' natural. 

Praia de Genipabu - Esta praia localizada no estado do Rio Grande do Norte, no Brasil, pertence ao Parque Turístico Ecológico Dunas de Genipabu. São essas mesmas dunas que a tornam numa das praias mais bizarras e curiosas do mundo. Ao longo da costa é possível observar enormes dunas que se assemelham aquelas que podem ser encontradas nos desertos.

San Alfonso del Mar - Já imaginou uma praia que está localizada perto da maior piscina do mundo? É isso mesmo que acontece no complexo turístico San Alfonso del Mar em Algarrobo, no Chile. A enorme piscina é alimentada por água salgada vinda diretamente do mar.

Praia de Água Quente - Localizada na Baía Mercury, na Nova Zelândia, esta praia é especialmente conhecida, como o nome indica, pela sua água quente que resulta em termas naturais que podem ser encontradas em forma de pequenos jacuzzis naturais ao longo da zona costeira da península de Coromandel.

Praia de Hoshizuna-no-hama - Ao contrário do que possa pensar, esta não é uma fotografia que retrata apenas areia de praia. A imagem mostra o areal da praia de Hoshizuna-no-hama, conhecida por ter grãos de areia em forma de estrelas, sendo que é uma das únicas duas praias do mundo onde este fenómeno pode ser visto.

Praia 'Bowling Ball' - Semelhante ao que acontece na praia de Koekohe, esta zona costeira em Mendocino, na Califórnia, é conhecida pelas esferas gigantes que ficam visíveis quando a maré está baixa.

Zlatini Rat - Esta praia localizada na ilha de Brac, na Croácia, é um verdadeiro paraíso, mas aquilo que distingue este local de outros semelhantes é o facto de ser uma praia extremamente estreita, sendo que muda de forma consoante as correntes e a maré.

Praia vermelha de Panjin - Esta praia fenomenal está coberta de vermelho e na realidade não tem qualquer tipo de areia. O fenómeno explica-se devido à alga marinha chamada Sueda. 

Praia vermelha de Panjin - A alga começa a crescer entre os meses de abril e maio, sendo que durante o verão ela permanece verde.

Praia vermelha de Panjin - É apenas no outono que a alga ganha esta cor viva.

fonte: noticiasaominuto.com

Comentário