Entretenimento - Musica

Primeiro suspeito de assassinato do rapper XXXTentacion foi detido

Friday, 22/06/2018 | 15:40 Um homem da Florida com antecedentes criminais foi preso após a morte do rapper XXXTentacion, informaram as autoridades esta quinta-feira.

Primeiro suspeito de assassinato do rapper XXXTentacion foi detido

Dedrick Williams, de 22 anos, foi detido na quarta-feira à noite em Pompano Beach, norte de Miami, e preso por um mandato de homicídio de primeiro grau.

O mandato afirma que Williams disparou em XXXTentacion na passada segunda-feira em frente a uma loja de motas. Williams ainda não recorreu das alegações.

"Os detetives estão a procurar outros suspeitos. A investigação continua", informou o departamento policial no Twitter.

Williams já foi preso noutras ocasiões e estava em liberdade condicional até 2021 devido a um assalto a um carro.

Páginas do Facebook e do Instagram ligadas a Williams mostravam um profundo interesse em tatuagens e dinheiro, com o suspeito a surgir em imagens com várias notas de dólares. Fotos de 2014 mostravam o interior de uma loja de armas.

"Não me irritem, nunca se sabe quem será o próximo", escreveu no Facebook pouco antes de ser preso.

Não ficou claro se Williams teve um contacto anterior com XXXTentacion, de 20 anos, cujo nome de batismo era Jahseh Ofrey.

XXXTentacion tinha uma vida violenta e já tinha sido detido em diversas ocasiões. O rapper estava a aguardar um julgamento por ter espancado a sua ex-namorada quando ela estava grávida, um episódio que levou a pedidos para não ouvirem as suas canções.

Mas apesar das acusações de violência doméstica e da falta de publicidade tradicional, XXXTentacion estreou-se no top norte-americano com o seu segundo álbum, intitulado "?".

Vários rappers, incluindo Kendrick Lamar, elogiaram XXXTentacion como um talento único, com um hip-hop sombrio e lo-fi cheio que abordava com crueza a sua depressão e tendências suicidas.

fonte: opais.sapo.mz

Comentário