Saúde

Enxaquecas são mais comuns nos homens com esta condição

Thursday, 28/06/2018 | 13:59 Um novo estudo aponta, que os homens com altos níveis de estrogénio, a hormona sexual feminina, estão mais propensos a sofrerem com enxaquecas, comparativamente aos indivíduos com índices reduzidos da hormona.

Enxaquecas são mais comuns nos homens com esta condição

apresentam ainda uma maior probabilidade de acusarem sintomas associados a fatiga crónica e disfunções sexuais, comummente visíveis em homens com níveis deficitários de testosterona. Tal foi detetado apesar dos níveis de testosterona dos voluntários serem iguais aos dos homens que não sofriam com enxaquecas.

O estrogénio, que é responsável pelo desenvolvimento das caraterísticas fisiológicas tipicamente femininas, é conhecido por aumentar a frequência e severidade das enxaquecas na população feminina que sofre com estas severas dores de cabeça.

“Pesquisas prévias já tinham apurado que os níveis de estrogénio podem influenciar a frequência e intensidade de ocorrência de enxaquecas entre as mulheres, mas pouco era sabido se estas hormonas sexuais afetavam ou não os homens do mesmo modo”, disse o autor do estudo W P J. van Oosterhout, à publicação The Independent, professor e investigador da Universidade de Leiden, na Holanda.

O estudo, que foi publicado no periódico Neurology, observou as amostras de sangue de 39 homensincluindo de 17 que sofriam com enxaquecas regularmente, de idade e saúde geral semelhante.

Os investigadores apuraram que os voluntários que padeciam com aquela condição apresentavam níveis de estrogénio, em média, 50% mais elevados, comparativamente aos restantes.

Os académicos concluíram ainda que 61% desses homens reportava ter pouco apetite sexual, energia reduzida e oscilações de humor.

Apesar da amostra reduzida de indivíduos que integraram esta investigação científica, Van Oosterhout, espera prosseguir com outras pesquisas de modo a melhor entender o papel do estrogénio na saúde masculina.

fonte: noticiasaominuto.com

Comentário