"Missão: Impossível": Tom Cruise bate Disney nas bilheteiras


Entretenimento - Filmes

"Missão: Impossível": Tom Cruise bate Disney nas bilheteiras

Quarta-feira, 08/08/2018 | 16:25 A entrar na segunda semana de exibição, "Missão: Impossível - Fallout" bateu a estreia de "Christopher Robin", com Ewan McGregor.

"Missão: Impossível – Fallout" repetiu o primeiro lugar nas bilheteiras dos EUA ao entrar no segundo fim de semana de exibição, batendo a estreia de "Christopher Robin", a mais recente versão em imagem real de um clássico da Disney.

O filme liderado por Tom Cruise conseguiu arrecadar mais 35 milhões de dólares, descendo apenas 43% em relação à estreia, o que é considerado um excelente sinal para um título de grande orçamento e uma sequela, confirmando a reação muito positiva dos espectadores desde a chegada a 26 de julho (o filme anterior, "Rogue Nation", desceu 48%).

Já com quase 125 milhões arrecadados na frente interna, os analistas dizem que "Fallout" não deverá ter problemas em passar os 200 milhões e tornar-se o mais rentável dos seis filmes da saga (o recorde está nos 215,4 arrecadados pelo segundo filme, realizado por John Woo em 2000).

A isto é preciso acrescentar mais 205 milhões a nível internacional, sem contar com a China, pelo que o investimento de 180 milhões no filme (sem contar com o marketing) parece ter valido a pena para o que está saudado como mais um "regresso" de Tom Cruise após várias desilusões comerciais. Ainda não existem números oficiais da estreia em Portugal na semana passada.

Com a inesperada resistência de "Fallout", a Disney teve de se contentar com um segundo lugar e 25 milhões para a estreia de "Christopher Robin".

Apesar da reação muito positiva dos espectadores nos habituais "Cinemascore" (inquéritos à saída das salas), o valor é descrito como "nada de especial" para um filme deste estúdio para as famílias que custou 75 milhões (sem marketing). Por comparação, o fracasso que foi "Uma Viagem no Tempo" começou com mais sete milhões e em março, fora da temporada mais lucrativa.

O filme com Ewan McGregor como a versão adulta do jovem que se divertia com Winnie The Pooh no Bosque dos 100 Acres depende agora da capacidade em reter público no próximo fim de semana (como "Missão: Impossível) e das receiras internacionais (a data de estreia em Portugal não está confirmada).

Os dois outros grandes filmes em estreia nos EUA, realizados por mulheres e destinados ao público feminino, foram desilusões.

Em terceiro lugar ficou "O Espião que me Tramou", com Mila Kunis e Kate McKinnon e um orçamento de 40 milhões, , só conseguiu 12,35 milhões, abaixo do que o estúdio esperava (estreia a 30 de agosto no nosso país).

Só em oitavo ficou "Mentes Poderosas", que falhou em convencer o público adepto dos romances para "jovens adultos": com 5,8 milhões, teve a 11ª pior estreia de sempre para um filme lançado em mais de três mil salas, resultado em que nem ajuda ter custado "apenas" 34 milhões (estreia em Portugal esta semana).

fonte: lifestyle.sapo.mz

Comentário