Sociedade

UP e Save the Children em prol do melhor desempenho pedagógico da rapariga

Thursday, 08/11/2018 | 14:27 A Universidade Pedagógica (UP) e a Save the Children assinaram nesta quarta-feira, um memorando de entendimento com objectivo de aumentar, a retenção da rapariga na escola e o seu melhor desempenho pedagógico, através do projecto STAR-G.

UP e Save the Children em prol do melhor desempenho pedagógico da rapariga

O Projecto STAR-G cria alternativas de integração para as raparigas que completam o ensino primário, melhorando a qualidade de ensino-aprendizagem das mesmas nas escolas através da formação de professores de Português e de Matemática. O projecto pretende também expandir o Ensino Secundário para as comunidades rurais onde não haja escolas, através da implantação de Centro de Apoio a Aprendizagem, entre outros.

 “A Universidade Pedagógica é a única instituição que, por excelência, pode formar professores para o ensino secundário em Moçambique. Por isso a nossa intenção em trabalhar com esta instituição de formação e pesquisa para assegurar a qualidade de ensino na escola e fora dela, de modo que os raparigas possam aprender para tomar decisões sobre seu futuro e suas vidas”, explicou Chance Briggs, diretor-geral da Save the Children.

Já a Universidade Pedagógica mostrou abertura para abraçar o desafio e espera que o memorando sirva de ferramenta para melhorar o actual cenário da rapariga.

“A UP, como instituição do ensino superior, tem a obrigação de continuar a formar professores de capacitar os professores e nessas circunstâncias nós daremos especial atenção a formação de professores das disciplinas de matemática e português. Esses são professores que já estão no terreno, os que iremos capacitá-los melhor com essas matérias de formação para as nossas meninas”, assegurou Jorge Ferrão, reitor da Universidade Pedagógica.

Este projecto vai ser implementado em 11 distritos das províncias de Gaza, Manica e Tete.

fonte: opais.sapo.mz

Comentário