Saúde - Bem-Estar

20 IDEIAS ANTI-STRESSE. CONSELHOS SIMPLES DE ADOTAR QUE FUNCIONAM MESMO

Tuesday, 12/03/2019 | 09:14 São muitas as coisas que pode fazer em casa e no trabalho para combater a ansiedade e a rotina do dia a dia, aumentando o seu bem-estar e preservando o seu equilíbrio físico e emocional. Descubra, de seguida, estratégias descomplicadas e eficazes.

São muitas as coisas que pode fazer em casa e no trabalho para combater a ansiedade e a rotina do dia a dia, aumentando o seu bem-estar e preservando o seu equilíbrio físico e emocional. Descubra, de seguida, estratégias descomplicadas e eficazes.

Nos dias que correm, são muitos os momentos de ansiedade e stresse que nos obrigam a um escape. Pequenas mudanças podem, contudo, garantir resultados eficazes. Nos momentos em que a sua vida mais parece um quebra-cabeças, apresentamos-lhe estratégias, simples e descomplicadas, que o ajudarão a simplificar o seu dia a dia em casa e no trabalho e a preservar o seu equilíbrio físico e emocional. Siga-as já!

1. FAÇA EXERCÍCIO ANTES DE SAIR DE CASA
Todas as manhãs, antes do duche, revitalize o corpo com exercícios, como estes, sugeridos pelo fisiologista do exercício Elvis Carnero. "Deite-se no chão e segure os joelhos contra o peito. Ajoelhe-se com a bacia junto aos calcanhares e leve os braços e o tronco à frente, em contacto com o chão", aconselha o especialista.

2. (DE)LEITE MATINAL PARA COMEÇAR O DIA
Comece bem o dia com um pequeno-almoço completo com leite ou iogurte magro, cereais ou pão integral com queijo ou doce e fruta. E termine-o também da melhor forma, bebendo um copo de leite morno antes de se deitar. Estudos internacionais revelam que o cálcio ajuda a reduzir os espasmos musculares e a aliviar a tensão.

3. CAMINHE DIARIAMENTE DURANTE 10 MINUTOS
É quanto basta para "promover a contracção muscular, o incremento de circulação sanguínea e, sobretudo, abstrair-se do trabalho", afirma Elvis Carnero, fisiologista do exercício. Experimente fazê-lo duas a três vezes por dia, na rua ou até mesmo no interior da sua empresa.

4. DURMA DESCANSADO
Durma entre seis a nove horas por noite. Maus hábitos de sono estão associados a diabetes, a doenças cardiovasculares, à hipertensão e a problemas de memória, de concentração e até de peso. Livre-se das preocupações, para melhorar as suas noites, anotando o que tem para fazer no dia seguinte.

Para potenciar o seu descanso, evite consumir cafeína seis a oito horas antes dormir e transforme o quarto num local de descanso, sem televisão nem computador nem internet. Se tem o (mau) hábito de dormir com o telemóvel no quarto, abandone-o urgentemente, deixando-o noutra divisão.

5. PROTEJA A SUA VIDA AFETIVA
Deixe o trabalho no escritório e faça a transição entre o modo profissional e o pessoal antes de chegar a casa. Para preservar a harmonia no casal, é vital "combater a necessidade quase automática de despejar no outro os problemas e o stresse do dia", alerta Marta Crawford, sexóloga.

6. AFASTE-SE DO COMPUTADOR
O número de vezes que uma pessoa, em média, vê o e-mail por hora, ronda as 40, revela um estudo da Universidade de Glasgow, Glásgua em português lusitano, na Escócia, segundo o qual o sexo feminino é quem mais sofre com esta avalanche de informação dos tempos modernos.

Se está soterrado em e-mails, SMS, telefonemas, tarefas laborais e/ou solicitações nas redes sociais, simplifique. Siga o bom senso, aconselha o psicólogo Vítor Rodrigues.

"Saiba desligar ou silenciar o telemóvel, comunique pela internet só em períodos autodeterminados", sugere. "Desenvolva maturidade afetiva e revalorize a comunicação direta, cara a cara", recomenda o especialista, autor de livros como "Constrói a tua felicidade - Da depressão ao bem-estar", publicado pela editora A Esfera dos Livros.

7. TRACE UM PLANO
Pense nas áreas da sua vida que pode melhorar e trace metas a curto (um mês), médio (seis meses) e longo prazo (um ano) para atingir o que pretende. Mas defina apenas objetivos concretizáveis para não se sentir frustrado.


8. PONHA REALISMO NOS SEUS OBJETIVOS
Seja em casa ou no trabalho, defina objetivos realistas. É verdade que as mulheres, ao contrário dos homens, conseguem realizar várias tarefas em simultâneo mas isso não implica que tanto um como outro tenham de preencher o seu dia como se tivesse 48 horas. Estabeleça prioridades e aprenda a dizer que não. Verá que, depois disso, o seu sim terá muito mais valor.

9. REJUVENESÇA UM ANO EM APENAS DOIS MESES
Como? Pare de fumar! Beneficiará o seu organismo, a pele, a carteira e a saúde de quem o rodeia. Se a força lhe faltar, peça ajuda ao médico assistente. Deixamos-lhe, ainda, uma dica. Junte numa caixa o dinheiro que gastaria em cada maço para comprar uma recompensa. Você merece!

10. TENHA CUIDADO COM OS FALSOS AMIGOS DA DIETA
Apesar de proporcionarem uma satisfação momentânea, a cafeína, as bebidas alcoólicas ou gaseificadas e os alimentos ricos em açúcar e gorduras, limitam a sua capacidade de resposta ao stresse e prejudicam a sua saúde.

11. APROVEITE A SUA CIDADE
Informe-se da agenda cultural da sua cidade e visite os jardins, os museus e as exposições que por lá se vão realizando. Muitos têm entrada gratuita. Se levar crianças, defina primeiro um objetivo para a missão, que pode ser o de descobrir uma planta exótica, um objeto ou até a história do local.

12. RESPIRE FUNDO
Perceba que não pode mudar a fonte de stress mas pode mudar o stresse. "Respirar mais fundo, repetidamente, tirar um tempo, mesmo que sejam somente alguns minutos diários, para nós mesmos. Para olhar a paisagem, refletir, ler um bom livro, ouvir uma música que nos comova", diz Vítor Rodrigues.

13. APOIE-SE NOS AMIGOS
90% do envelhecimento gerado por uma situação negativa pode ser eliminado por eles, dizem os especialistas norte-americanos Michael Roizen e Mehmet Oz, antigos colaboradores dos programas de televisão apresentados por Oprah Winfrey, defendendo que tomar café ou conversar são "medicamentos mentais", como lhes chamam.

14. ESQUEÇA OS PORMENORES
Se vive em estado de alerta, prestando atenção às mais pequenas coisas e preocupando-se com tudo o que pode correr mal, mude de atitude. "Aquilo com que nos preocupamos escusadamente ocupa espaço mental, impede-nos de saborear os momentos, aumenta a ansiedade e torna-nos menos lúcidos e menos disponíveis, com clareza e energia, para reagir às dificuldades", explica Vítor Rodrigues.

15. INSPIRE-SE NA SIMPLICIDADE ORIENTAL E ORGANIZE A SUA CASA
Livre-se do que não precisa, defina um lugar para cada objeto e incentive os restantes elementos da família a zelar pela harmonia e pela arrumação do lar. Como afirma Dominique Loreau, autora do livro "A arte da simplicidade", publicado em Portugal pela Editorial Bizâncio, "a ordem economiza tempo e alivia a memória".

16. RELAXE... FLUTUANDO!
Pesquisas divulgadas pela publicação especializada Psychology & Health demonstram que a flutuação, terapia que se simula a ausência de gravidade, alivia o stress e coloca o cérebro num estado idêntico ao da meditação profunda. Centros como o Float In, em Lisboa, propõem-lhe vários programas. Experimente!

17. RECORRA À PSICOLOGIA
Não perca tempo a dizer pela milésima vez ao seu filho para arrumar o quarto. Motive-o a fazê-lo! Crie uma tabela com os dias da semana e atribua um autocolante, por mérito, cada vez que ele cumpre o objetivo. Após 10 autocolantes dê-lhe uma recompensa.

18. CONTRAIA OS MÚSCULOS
Nos momentos de tensão em que só lhe apetece gritar, faça este exercício. Contraia todos os músculos do rosto ao máximo durante 15 segundos, relaxe e repita. A contracção e relaxamento repetitivo ajuda a libertar a tensão retida acima do pescoço, pode ler-se na obra "You - Sempre jovem", de Michael Roizen e Mehmet Oz, publicada em Portugal pela editora Lua de Papel.

19. CRIE UM BLOGUE
Não precisa de se converter num influenciador digital nem de se vender para promover marcas, produtos e serviços. Para desabafar, partilhar experiências, hobbies, contar o último filme que viu ou expor as fotos da suas melhores férias. Para o fazer, vá ao SAPO Blogs.

20. TRANSFORME AMEAÇAS EM OPORTUNIDADES
O stresse é, nos agitados dias que correm, uma inevitabilidade, a questão está na forma como o gere. Tente olhar cada obstáculo que surge no seu caminho como uma oportunidade de aprender e evoluir enquanto pessoa, como sugerem muitos gurus e livros de autoajuda, nacionais e internacionais. Assim, em vez de uma atitude defensiva que o imobiliza, terá energia para avançar. E isso já é meio problema resolvido...

fonte: https://lifestyle.sapo.mz/saude/bem-estar/artigos/

Comentário